Fronteira Brasil, Bolívia e Paraguai no município de Corumbá: uma abordagem sobre as diferentes Divisões politico administrativas

  • Julio César Gonçalves Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, campus de Campo Grande
  • Sérgio Wilton Gomes Isquierdo Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, campus de Corumbá
Palabras clave: Fronteira, Geomorfologia, População

Resumen

Este trabalho tem por objetivo o mapeamento temático das faixas de fronteira localizadas entre o município de Corumbá (Brasil) e os países vizinhos, Bolívia e Paraguai. A partir da abordagem cartográfica de temas do meio físico, biótico, socioeconômico e ambiental vêm se revelando peculiaridades e novas interpretações a respeito deste espaço fronteiriço. No município de Corumbá a linha demarcatória internacional possui  517 quilômetros de extensão, desde a foz do rio Nabileque até o marco norte da lagoa Gaíva. Ao longo desta linha estendem-se faixas de território instituídas pela legislação destes três países, sendo de 150 quilômetros para o Brasil e 50 quilômetros nos casos da Bolívia e Paraguai. A  representação cartográfica destas faixas sob o olhar de multi-temas trouxeram à luz uma série de informações que poderão ser utilizadas, por exemplo, no aprimoramento da legislação específica e do planejamento estratégico destas áreas, tão especiais do ponto de vista cultural e econômico.

Biografía del autor

Julio César Gonçalves, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, campus de Campo Grande
Professor
Sérgio Wilton Gomes Isquierdo, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, campus de Corumbá
Professor
Cómo citar
Gonçalves, J. C., & Gomes Isquierdo, S. W. (1). Fronteira Brasil, Bolívia e Paraguai no município de Corumbá: uma abordagem sobre as diferentes Divisões politico administrativas. Revista Geográfica De América Central, 2(47E). Recuperado a partir de https://www.revistas.una.ac.cr/index.php/geografica/article/view/2502