A LEGALIZAÇÃO DO TEMPO E SEUS IMPACTOS NO COTIDIANO DOS BRASILEIROS

  • Marcus Vinícius Albrecht Anversa Universidade do Estado do Rio de Janeiro
Palabras clave: Geografia, Sincronismo de Tempo, Trabalho, Produção & Capital, Ciberespaço

Resumen

Este trabalho tem por objetivo expor como se constituiu a Padronização do Tempo no Brasil através da Geração, Distribuição e Conservação da Hora Legal Brasileira (HLB), a cargo do Observatório Nacional (ON), fruto da necessidade imediata do processo de urbanização e industrialização ocorrido no final do século XIX e início do século XX, assim como em várias nações em processo de industrialização. A Padronização do Tempo teve também agregado o propósito de atender aos interesses econômicos do mundo do trabalho e da gestão, além do controle territorial. Impunha-se a necessidade de padronizar o Tempo, estabelecer uma Hora legal e oficial que fosse seguida por todos e que facilitasse as relações de comércio. Com isso, analisaremos o uso do tempo legal, a sua homogeneização, o seu impacto que repercuti na apropriação e controle do tempo dos trabalhadores, os seus efeitos no modus viventis da sociedade, além de suas especificidades na luta entre capital e trabalho em torno do controle do tempo nos diferentes espaços sociais. Abordaremos também o papel desempenhado pelo tempo na nova Era da Informação e do Conhecimento, própria do Século XXI, proporcionado pela implantação do ciberespaço com suas Estruturas Espaciais de Acumulação (ESA) e o advento das cibercidades. O objeto de estudo apresenta uma complexa realidade, diversificada e prática, de grande interesse aos pesquisadores e gestores das redes técnico-científicas, dentre eles os geógrafos, que requer o seu desvendamento.

Biografía del autor/a

Marcus Vinícius Albrecht Anversa, Universidade do Estado do Rio de Janeiro
Mestre em Geografia pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Analista em Ciência e Tecnologia do MCT/Observatório Nacional. Grupo de Pequisa de Novas Tecnologias Voltadas à Produção e Divulgação do Conhecimento em Geociências – UERJ
Cómo citar
Albrecht Anversa, M. (1). A LEGALIZAÇÃO DO TEMPO E SEUS IMPACTOS NO COTIDIANO DOS BRASILEIROS. Revista Geográfica De América Central, 2(47E). Recuperado a partir de https://www.revistas.una.ac.cr/index.php/geografica/article/view/2629