BIOGEOGRAFIA DO EUCALIPTO NO VALE DO PARAÍBA PAULISTA

  • Gerson de Freitas Junior Geografia Física - DGEO∕USP (Brasil) e Faculdade de Roseira – FARO (Brasil).
  • Daniel Augusto Glasser Solera Instituto Técnico Federal – ICEFET, Campus de Rio Pomba-MG (Brasil).
Palabras clave: eucaliptos, silvicultura, conservação.

Resumen

Este trabalho trata dos aspectos geográficos e históricos dos eucaliptos, na Austrália e no Brasil, com atenção especial para a situação no Vale do Paraíba, estado de São Paulo. O trabalho possui três capítulos, nos quais são tratados temas pertinentes à questão dos eucaliptos no Brasil. Existem diferentes tipos de plantios de eucaliptos, em áreas urbanas e rurais, com finalidades comerciais e não-comerciais. Focou-se principalmente os extensos plantios em áreas rurais, com finalidade comercial. Os resultados das medições e informações coletadas demonstram que no Vale do Paraíba paulista ocorrem impactos ambientais positivos e negativos a partir do cultivo de eucaliptos, exigindo medidas para minimizar os impactos negativos e recuperar as áreas rurais da região.

 

Biografía del autor

Gerson de Freitas Junior, Geografia Física - DGEO∕USP (Brasil) e Faculdade de Roseira – FARO (Brasil).
Aluno de mestrado do Programa de Pós-graduação em Geografia Física - DGEO∕USP (Brasil) e Professor da Faculdade de Roseira – FARO (Brasil).
Daniel Augusto Glasser Solera, Instituto Técnico Federal – ICEFET, Campus de Rio Pomba-MG (Brasil).
Aluno de graduação do Curso de Agroecologia do Instituto Técnico Federal – ICEFET, Campus de Rio Pomba-MG (Brasil). 
Cómo citar
de Freitas Junior, G., & Glasser Solera, D. (1). BIOGEOGRAFIA DO EUCALIPTO NO VALE DO PARAÍBA PAULISTA. Revista Geográfica De América Central, 2(47E). Recuperado a partir de https://www.revistas.una.ac.cr/index.php/geografica/article/view/2687